TRAGÉDIA

Mulher é morta a tiros pelo ex-marido horas depois de pedir medida protetiva

Mulher é morta a tiros pelo ex-marido horas depois de pedir medida protetiva

Crime foi registrado dentro do supermercado onde a mulher trabalhava

Crime foi registrado dentro do supermercado onde a mulher trabalhava

Publicada há 4 meses

Maria Juciana da Silva foi vítima de feminicídio em Rio Preto (Reprodução/Facebook)Maria Juciana da Silva foi morta a tiros pelo ex-marido - Foto: Reprodução/Facebook

Da Redação

Na tarde desta quinta-feira, 20, uma mulher de 35 anos foi morta a tiros em um supermercado localizado no Centro de Rio Preto. O autor dos disparos seria o ex-marido da vítima, que logo em seguida disparou contra o próprio corpo e morreu.

A vítima, Maria Juciana da Silva, procurou a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) horas antes de morrer. De acordo com a delegacia especializada da Polícia Civil, a mulher foi até o local a fim de pedir medida protetiva, pois reclamava de ameaças por parte do ex-marido, José Alves de Lima, de quem se separou recentemente e tem três filhos.

A medida protetiva foi encaminhada para o Ministério Público na tarde de quinta e teria sido concedida pela Justiça nesta sexta-feira.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado, mas os dois não resistiram aos ferimentos e morreram. Nenhum cliente ficou ferido por conta dos disparos.

últimas